Direitos e advogado civil: quando procurar?

Acionar um advogado muitas vezes pode parecer uma escolha um tanto quanto extrema, mas algumas situações pedem suporte jurídico. De fato, existem diversas situações nas quais o auxílio de um advogado pode fazer com que a resolução de determinado problema seja mais rápida e até mesmo menos burocrática.

Das diversas áreas nas quais os advogados atuam, grande parte dos clientes estão à procura de advogados atuantes na área cível. Outras especialidades também procuradas são a do direito penal e do direito criminal.

O que faz um advogado cível?

O advogado cível é um profissional especializado em direito civil. Ou seja, é o profissional capaz de auxiliar em questões relacionadas ao direito do cidadão em relação à sua posição civil. Assim, o advogado civil trabalhará defendendo o direito das pessoas e até mesmo empresas que precisam de suporte jurídico para resolver problemas legais ou mesmo prevenir o surgimento deles.

A palavras cível possui significado apenas no meio jurídico, que é um pouco mais amplo do que a palavra civil. Ainda assim, muitas vezes são utilizadas como sinônimas. Um advogado da área cível presta serviços em três principais áreas: a dos Direitos civis, a dos Direitos trabalhistas e as do Direito comercial.

Quando procurar um advogado?

Uma das maiores dúvidas em relação à contratação de advogados é a situação na qual cabe ou não os serviços do profissional. Cada caso possui particularidades que fazem dele único. Dessa forma, a melhor maneira de saber se o seu caso precisa de um advogado é procurando por um desses profissionais. Ele poderá avaliar melhor a situação e informar sobre o que pode ou não ser feito por vias legais.

Das várias atuações do advogado civil, algumas são mais comuns em um escritório de advocacia. Dentre elas estão questões como contratos de compra e venda de imóveis, processos contra empresas em busca de indenização, formulação de testamentos, entre outros. Pode-se também buscar auxílio de advogados civis para:

  • Processos por danos morais
  • Ações de despejo
  • Ações de cobranças
  • Negociação de contratos
  • Inventários
  • Recuperação de crédito

Entre vários outros casos.

Como saber se posso confiar em um advogado?

Devido à pessoalidade de diversas situações, é muito comum que exista determinado receio na hora de contratar um advogado. Em primeiro lugar, no momento de buscar um advogado para fornecer assessoria e para representação legal, deve-se verificar se o profissional está registrado na OAB. Isso quer dizer que estar formado em direito não é o suficiente para estar legalizado na profissão; é preciso também o registro na Ordem dos Advogados do Brasil.

Outros atributos importantes em um advogado é se ele tem conhecimentos na área que você precisa, seja ela civil, trabalhista, do consumidor, penal, entre outras. Além disso, é preciso também escolher um profissional que tenha experiência em casos parecidos com o seu.

Por fim, esteja atento aos honorários e nas maneiras de fazer o pagamento. É bastante importante fazer a contratação por escrito para que você tenha em mãos todas as condições dos serviços prestados.

Compartilhe esse post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *